Motorista da região lança "poketaxi" e cobra por hora





Curiosamente, o jogo também fez com que o motorista Alex Fernando Rozeno despertasse para uma oportunidade de ganhar uma renda extra. Ele, que já trabalha diariamente como vendedor de gás pelas ruas da cidade, teve a ideia de oferecer um serviço de transporte aos usuários do jogo, o qual ele batizou de "poketaxi".

Rozeno relata que teve a ideia por conta da sua sobrinha, que queria sair na rua para capturar as criaturas virtuais, porém o pai dela não deixou, por considerar o perigo de andar na rua com o celular na mão. Foi, então, que ele levou a sobrinha para dar uma volta pela cidade em busca dos desejados pokémons. "Aí eu pensei que deve ter um monte de gente que os pais também não deixam. Eu trabalho como segurança também, então pode ter certeza que se alguém sair do carro, ninguém vai mexer com o celular de ninguém", afirma.

"Minha profissão já é dirigir, então pensei em pegar mais uma oportunidade. Na crise que está, se você conseguir pegar mais um dinheirinho extra já está bom", declara ele, que estava em seu segundo dia de trabalho no "poketaxi" e vibrava com a conquista dos seus quatro primeiros clientes. Rozeno cobra R$ 35 por hora e, caso seja lotação de três ou quatro pessoas, o valor da hora cai para R$ 15 por pessoa e garante que passa por todos os pokéstops da cidade. "Vou andando bem devagarzinho, porque senão não dá tempo de parar para a pessoa pegar o Pokémon", finaliza. (C.S.)
Motorista da região lança "poketaxi" e cobra por hora Motorista da região lança "poketaxi" e cobra por hora Revisado por Blog do Chaguinhas on 09:29:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Anúncios