FUTEBOL - Futuro do Café em jogo





Resultado será divulgado no dia 10 de outubro; se não houver interessados, presidente da FEL adiantou que decisão ficará para o próximo prefeito


A Prefeitura de Londrina publicou ontem o edital de licitação para a terceirização do Estádio do Café. A vencedora da concorrência pública poderá explorar o local por dez anos, prorrogável por mais dez. A abertura das propostas está programada para o dia 10 de outubro.

A busca por uma alternativa administrativa que dê conta das demandas do estádio se arrasta há alguns anos. O prefeito Alexandre Kireeff (PSD) ressaltou que o município fez investimentos importantes como a troca do gramado, a reforma dos vestiários, a pintura das arquibancadas, além da recuperação das torres de iluminação e cobertura. "O objetivo é buscar mais eficiência e agilidade nas decisões, já que o poder público tem esta limitação em razão das regras rígidas de procedimentos com investimentos públicos", afirmou Kireeff. "Isso torna o processo lento em uma atividade dinâmica como é o futebol. Os principais estádios e arenas do mundo trabalham com gestão privada".

Além da responsabilidade de fazer a manutenção periódica do estádio, o vencedor da licitação terá que realizar melhorias e modernizar as instalações em prazos pré-determinados, que variam entre 18 a 60 meses. "O edital prevê construção de camarotes, posto de polícia, sala de enfermaria e banheiros, implantação de ar condicionado, caixa d’água, central de videomonitoramento e adequações das cabines de imprensa e estacionamento", informou o secretário de Gestão Pública, Rogério Carlos Dias.

A vencedora do certame será aquela que apresentar a melhor oferta sobre o valor referencial previsto, no total de R$ 1.174.933,11. Após a abertura dos envelopes com as propostas, a homologação final do processo deve acontecer em até 30 dias. A Fundação de Esportes (FEL) e a secretaria de Obras serão os órgãos responsáveis por fiscalizar a execução do contrato.

O presidente da FEL, Vilmar Caus, acredita que com a terceirização o Município dará um passo grande na profissionalização do Café. O dirigente está confiante no interesse de alguns clubes em participarem da concorrência. Porém, informou que não existe um plano B em caso de inexistir interessados. "O processo vai se encerrar após as eleições e teremos apenas mais dois meses para acabar o ano. Em caso de licitação deserta, a definição do que será feito ficará a cargo da nova administração que pode continuar este caminho ou buscar algo diferente", apontou.
Lucio Flávio Cruz
Reportagem Local/FOLHA DE LONDRINA
FUTEBOL - Futuro do Café em jogo FUTEBOL - Futuro do Café em jogo  Revisado por Blog do Chaguinhas on 08:08:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Anúncios