Ministério da Agricultura fecha unidade em Jacarezinho



Jacarezinho - O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) determinou o fechamento da Unidade técnica Regional de Agricultura (Utra) de Jacarezinho e de outros 25 municípios em todo o País sob a justificativa de que a medida do Governo Federal é para conter despesas. A portaria foi publicada no Diário Oficial da União de 30 de dezembro, e desde então os trabalhos no único escritório do Norte Pioneiro se resumem a orientações.
Conforme um servidor ligado à unidade – que pediu para não ser identificado, o escritório de Jacarezinho atendia produtores, empresas, entidades e órgãos públicos de 27 municípios da região, que com a decisão do Ministério da Agricultura passam a ser atendidos por outras unidades no Estado. "Estamos cumprindo a determinação do Governo Federal, e desde o dia 30 de dezembro os serviços são prestados por outras unidades como Londrina, Maringá, Cascavel, Francisco Beltrão, Castro, Ponta Grossa e Curitiba. No entanto, até o fim de janeiro estaremos orientando a população", explica.
O escritório da Utra de Jacarezinho funciona em uma das salas do antigo Instituto Brasileiro do Café (IBC), junto a outros órgãos da administração federal, o principal deles a Receita Federal. Entre as atribuições da unidade estão auditorias para classificar a qualidade das sementes produzidas em viveiros e dos produtos disponibilizados no varejo aos consumidores.
De acordo com a assessoria de imprensa do Ministério, o fechamento das 26 unidades no País representa uma economia de aproximadamente R$ 1,1 milhão por ano, gastos apenas com a manutenção do patrimônio e do material de expediente. Os cerca de 100 servidores serão realocados em outras unidades do Ministério da Agricultura nos estados onde há mais necessidade da mão de obra, formada principalmente por auditores.
O estudo inicial concluído no primeiro semestre do ano passado recomendava o fechamento de 54 unidades, entre elas a de Jacarezinho. Nesta primeira etapa, no entanto, foram fechadas somente 26 unidades. As demais poderão ser extintas no segundo semestre de 2017, após nova atualização e detalhamento dos dados já levantados.
O secretário-executivo do Mapa, Eumar Novacki, por meio de sua assessoria disse que será possível melhorar a gestão da força de trabalho. Ele assegurou que não haverá prejuízos, nem descontinuidade na prestação de serviços por parte do Ministério da Agricultura.

MOBILIZAÇÃO
Para o gerente municipal do Instituto Emater de Santo Antônio da Platina, Osvaldo Martins Rodrigues, o fechamento da Utra de Jacarezinho irá dificultar não só a vida dos produtores, mas também dos órgãos públicos e entidades que dependem diretamente do escritório. "O que se resolvia em apenas algumas horas por aqui poderá levar dias sendo tratado em outras unidades", avalia. "O café, por exemplo, é uma atividade importante para o Norte Pioneiro. Quando você vai construir um viveiro de mudas é necessário o aval do Ministério da Agricultura, o que antigamente competia à Secretaria Estadual de Agricultura. Com o fechamento do escritório em Jacarezinho, os produtores terão mais dificuldade. Este seria apenas um caso. No campo de algodão para sementes o processo é o mesmo, o aval é prerrogativa do Ministério da Agricultura", explica.
Rodrigues, no entanto, acredita na possibilidade de reverter a situação se houver mobilização por parte dos produtores e lideranças regionais, principalmente da classe política. "Às vezes perdemos muitas coisas por simplesmente concordarmos com tudo. A Unidade Técnica Agrícola de Jacarezinho é extremante importante para a região, por isso precisamos reagir!", cobra o gerente municipal da Emater.
Luiz Guilherme Bannwart
Especial para a FOLHA DE LONDRINA
Ministério da Agricultura fecha unidade em Jacarezinho Ministério da Agricultura fecha unidade em Jacarezinho  Revisado por Blog do Chaguinhas on 08:09:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Anúncios