Empresários querem definições sobre a obra do Contorno Norte



A Associação das Empresas do Parque Industrial de Cambé (AEPIC) realiza reunião na próxima quinta-feira (dia 14) para discutir com lideranças políticas e empresariais algumas questões preocupantes em relação ao Contorno Norte, como prazo de conclusão dos projetos, garantia de recursos e abertura de licitação. O objetivo é saber como está o cronograma de ações para construção do ramal rodoviário que vai integrar e criar novas áreas expansão para municípios da Região Metropolitana de Londrina.

A presidente da AEPIC, Rosinda Stremlow, diz que são necessários esclarecimentos sobre definição dos projetos do novo traçado, apresentação dos projetos à comunidade, editais de licitação, etapas da obra, sequência de execução, previsão de início e investimento programado. “Soubemos que havia uma verba no orçamento do Estado deste ano de cerca de R$ 200 milhões para o Contorno Norte. Quanto desse valor será possível empenhar em 2017 para agilizar o projeto?”, questiona a empresária.

Ela lembra que no final de setembro completam-se seis meses desde o anúncio sobre a decisão do governo do Estado de assumir a responsabilidade pela construção do Contorno Norte. “Estamos confiantes, embora o prazo inicial para conclusão dos projetos fosse de até quatro meses. Queremos acompanhar todas as etapas, para apresentar as expectativas da AEPIC e contribuir com ideias”, afirma a presidente da entidade.

A reunião começa às 15 horas, na sede da empresa Horizon (PR 445, KM 87, quase em frente à indústria farmacêutica Sandoz). Estão convidados para a reunião os deputados estaduais Tercilio Turini, Tiago Amaral e Cobra Repórter, prefeitos e vereadores de Londrina, Cambé, Rolândia e Ibiporã, representantes do DER, Econorte e dirigentes de entidades empresariais da região.
Empresários querem definições sobre a obra do Contorno Norte Empresários querem definições sobre a obra do Contorno Norte Revisado por Blog do Chaguinhas on 08:10:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Anúncios