Refém de assalto em Ibiporã fala de trauma após mais 10 roubos



Dois homens foram presos após roubarem uma agência dos Correios, localizada na avenida Francisco Beltrão, centro de Ibiporã, região metropolitana de Londrina. O crime teve início por volta das 14 horas desta quinta-feira (23). Além do assalto, eles fizeram sete pessoas reféns, entre funcionários e clientes, inclusive menores de idade. E chegou ao fim por volta das 16 horas, depois que os suspeitos negociaram a liberação das vítimas com policiais militares da Companhia de Choque. Após a rendição, a dupla foi presa e encaminhada para a Delegacia da Polícia Federal de Londrina. Um revólver calibre 38, com seis munições intactas, foi apreendido. Durante toda a ação a arma ficou apontada para o pescoço do vigilante da agência.


Ricardo Chicarelli
Ricardo Chicarelli


Todas as ruas ao redor tiveram os acessos bloqueados durante o assalto com reféns. Viaturas do Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate) prestaram apoio aos reféns. Porém, ninguém ficou ferido.

Familiares das vítimas também acompanhavam a dramática negociação entre PMs e suspeitos. Entre eles, a mãe de um adolescente de 16 anos, e tia de outro de 17. "Eu fiquei muito apavorada. Mas agora que tudo acabou estou mais aliviada", disse ela, chorando. Uma das funcionárias da agência dos Correios, palco da ação criminosa, informou que já sofreu diversos assaltos no local. "Eu cheguei a ser afastada por trauma após tantos assaltos aqui dentro. De 2015 até hoje foram mais onze de roubos", contou ela, pedindo para não ser identificada.

De acordo com o sargento da Companhia de Polícia Militar de Ibiporã, Charles Messias do Carmo, os suspeitos já tinham finalizado o roubo aos Correios quando se depararam com uma viatura da PM, que patrulhava a via sem conhecimento do crime. Os suspeitos teriam se assustado e retornaram para o interior da agência. Na sequência, ameaçaram e fizeram as sete pessoas reféns no interior dos Correios.

Ainda segundo Carmo, durante as negociações com policiais do Choque os suspeitos exigiram a presença de familiares e a entrega de coletes balísticos para garantirem a própria segurança.

Agentes da Polícia Federal também estiveram no local. Os dois suspeitos foram detidos e encaminhados para a Delegacia da Polícia Federal de Londrina, que irá investigar o crime, pois o roubo ocorreu no interior da empresa pública federal.
Paulo Monteiro
Grupo Folha/FOLHA DE LONDRINA
Refém de assalto em Ibiporã fala de trauma após mais 10 roubos Refém de assalto em Ibiporã fala de trauma após mais 10 roubos  Revisado por Blog do Chaguinhas on 08:02:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Anúncios