Últimas notícias

SECRETÁRIA DA EDUCAÇÃO RESPONDE MANIFESTANTES DE RIBEIRÃO DO PINHAL

Educadores promoveram carreata de protesto
A secretária municipal de Educação de Ribeirão do Pinhal,Terezinha Campos (foto) escreveu texto respondendo aos questionamentos e críticas de professoras do município, que, inclusive, organizaram carreata de protesto.
Eis o texto na íntegra:
No início de 2017 foi feita uma reunião comigo e a comissão do plano de cargos e carreira para discussão de distribuição de aulas, pois o decreto em vigor na época feria direitos dos professores. Nessa reunião eu, Terezinha de Campos Silva, secretária de educação fiz a proposta (a mesma que eles fizeram agora) mas não aceitaram.
Na ocasião a professora Ingrid falou: Não aceito essa proposta porque tem professor de olho no meu quinto ano.Nós, enquanto educadores, fazemos concurso para dar aula em escolas do município e na turma que tiver. Então o decreto 123/2017 não fere nenhum direito de nenhum professor. Conforme sua classificação no concurso e contratação será a sua escolha. A distribuição anterior era feita por tempo de escola: Ex: Se um professor com 10 anos de município mudasse de escola ele seria o último a escolher turma. Perderia para um professor que está a um ano no município.
Quanto ao prefeito Wagner ele recebeu os professores para diálogos. Somente a última reunião marcada pela APP sindicato não aconteceu porque ele tinha um compromisso inadiável e a pessoa que foi designada para cancelar a tal reunião, não conseguiu. O prefeito não é intransigente. Ele ouve todos os munícipes e tenta resolver todas as situações.
FONTE - NP DIARIO

Nenhum comentário