Últimas notícias

Furacão alternativo bate o Coxa em pleno Couto Pereira



Com seu time alternativo, o Atlético Paranaense foi ao Estádio Couto Pereira e venceu o clássico diante do Coritiba por 1 a 0, pela quarta rodada do Campeonato Paranaense 2018. Com o resultado, o Furacão, que ainda não perdeu, segue na liderança do Grupo B da Taça Dionísio Filho, com 10 pontos. O Coxa é apenas o quarto do Grupo A, com cinco pontos.

O placar só foi mexido na segunda etapa, aos 10 minutos, depois que Ederson aproveitou cobrança de falta de João Pedro para desviar para o fundo da rede, de cabeça, e garantiu os três pontos rubro-negros.

Na próxima rodada, o Coritiba encara o Londrina, sábado, no Estádio do Café. Já o Atlético Paranaense enfrenta o Cascavel, no esmo dia, no Olímpico Regional. Aproveite o código promocional bet.pt

O jogo – O Alto da Glória recebeu um bom público, esmo com os times sem boa parte de seus principais jogadores. A primeira tentativa de chegada foi do Furacão, logo no primeiro minuto, com Renan Lodi testando Wilson com um chute de longe. Aos oito minutos, Giovanny serviu Ederson, que soltou o pé para boa defesa de Wilson. Apesar do equilíbrio, o Rubro-Negro era mais incisivo.

O Alviverde rondou a área atleticana aos 14 minutos, em cobrança de falta de Júlio Rusch que Romércio não conseguiu alcançar para completar o lance. As equipes mostravam muita vontade, mas a disputa era restrita ao meio-campo, com poucas chances criadas. Aos 24 minutos, William Matheus tentou resolver sozinho após pegar sobra de bola e arrematou na rede, pelo lado de fora.

Grande jogada de Deivid, aos 25 minutos, com um petardo no ângulo que Wilson foi buscar. Aos 32 minutos, Iago cruzou para Alecsandro, mas Zé Ivaldo se adiantou para desviar e tirar da área. Mais uma chegada do Atlético, aos 38 minutos, com Giovanny recebendo bom passe de Bruno Guimarães e batendo para intervenção precisa de Wilson.

Depois do intervalo, as equipes retornaram sem mudanças. Aos dois minutos, Guilherme Parede recebeu na área, em ótima condição, mas chutou fraco, quase um recuo de bola. O Coxa voltou mais ligado e, aos seis minutos, Ruy acertou um chute venenoso para grande defesa de Santos. A resposta, entretanto, foi fatal. Aos 10 minutos, João Pedro cruzou e Ederson apareceu para tirar do goleiro e abrir o placar.

O banco do Coxa reclamou do lance que originou o gol, ou seja, a falta. Aos 18 minutos, Alecsandro tentou cobrar falta e praticamente recuou para Santos. O Alviverde tinha maior posse, mas seguia com dificuldade. Aos 26 minutos, Vitor Carvalho tentou o desviou de cabeça e mandou à esquerda da meta. Ederson, que desencantou, ficou mais solto e, aos 30 minutos, arriscou um voleio, sem sucesso.

Aos 36 minutos, Ederson tentou mais um arremate, desta vez um chute no ângulo para defesa de Wilson. O Coxa tentava pressionar, mas não conseguia penetração na área. Aos 44 minutos, a bola chegou para Thalisson Kelven e a cabeçada saiu por cima do gol. Aos 47 minutos, Wilson tentou o cabeceio na área, mas nem alcançou a bola na última chance coxa-branca.

CORITIBA 0 X 1 ATLÉTICO PARANAENSE

Local: Estádio Major Antônio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data: 04 de fevereiro de 2018, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Lucas Paulo Torezin
Assistentes: André Luiz Severo e Wesley Waldir Marmitt
Cartões amarelos : Bruno Guimarães (Atlético-PR)

Gols
ATLÉTICO PARANAENSE: Ederson, aos 10 minutos do segundo tempo

CORITIBA: Wilson; Cesar Benítez, Romércio, Thalisson Kelven e William Matheus; Julio Rusch, Vitor Carvalho (Thiago Lopes) e Ruy; Iago (Yan), Guilherme Parede e Alecsandro
Técnico: Sandro Forner

ATLÉTICO PARANAENSE: Santos; Gustavo Cascardo, Emerson, Zé Ivaldo e Renan Lodi; Deivid, Bruno Guimarães e João Pedro; Giovanny (Demethryus), Yago (Felipe Dorta) e Ederson (Leo Pereira).
Técnico: Tiago Nunes

Via: Gazeta Esportiva

Nenhum comentário