Últimas notícias

AMOREIRA: Deficiência visual e física não impedem Gu e Iza de sonharem alto

Protagonistas das provas do atletismo dão show de simplicidade e emocionam (Foto: William Bilches)

Mais que a entrega de medalhas os Jogos Escolares do Paraná promovem a inclusão de crianças como Luiz Gustavo Medeiros, que tem deficiência visual, e Izadora da Silva, com deficiência física. As histórias dos dois atletas com o esporte emocionou o público convocado para assistir as provas do atletismo na tarde desta quinta-feira (14), em São Sebastião da Amoreira, e merece ser reconhecida por todos.

Foi a primeira medalha que Izadora, de 16 anos, conquistou nos jogos. Ela competiu nas provas de 100 metros e 200m. Já Luiz Gustavo é veterano na modalidade. Só no ano passado, ele conquistou oito ouros, inclusive dois nas Paralimpíadas Escolares, realizadas em São Paulo.
Durante a entrega de premiação, quando todos atletas terminaram as provas, a alegria dos dois foi tanta, que mesmo diante das dificuldades, demonstraram todo carinho pelas professoras do Colégio Barão do Rio Branco, de Assaí, que os acompanharam nas disputas da categoria para alunos com deficiência (ACD).

“Na escola, Iza como é conhecida por lá, joga queimada com os alunos e ama treinar atletismo. Só a ideia de estar aqui competindo animou-a muito. A conquista da medalha de ouro é apenas mais um passo na sua superação. O atletismo está transformando a vida dela e de muitos alunos”, contou a professora Ilcélia.

Com a deficiência física, alguns movimentos da Izadora são comprometidos pela perda de função motora, mas na hora de conceder a entrevista, ela foi a primeira que se animou pra declarar que está muito feliz e vai colocar a medalha em um lugar muito especial em sua casa. “Foi uma ótima experiência. O atletismo mudou minha vida. Essa medalha terá um lugar muito especial lá em casa”, celebrou a atleta.

Nas provas de 75 metros e 250 metros, Luiz Gustavo, de 16 anos, é um craque. A história dele, como de Izadora é fascinante. O aluno ama tanto o esporte que pratica desde balé até o judô. “No primeiro momento eu não soube lidar quando descobrimos a deficiência dele. Mas hoje vejo que ele enxerga mais que eu própria. O Gu avançou muito, se transformou quando conheceu o esporte. Conquistou o espaço e melhorou a timidez. Anda de bicicleta e pratica várias modalidades ”, observou a mãe dele, Vladineia dos Santos.

Os dois são muito participativos na escola que vão até ser recebidos com festa por todos. Luiz Gustavo tem fé que um dia se tornará um orgulho para o Brasil. “Quero ser um grande atleta e conquistar um ouro mundial”, declarou. Mal sabe o atleta que ele é o “nosso orgulho paranaense” e nos emocionou com sua linda história.

Além da categoria ACD, muitos atletas comemoraram as conquistas das medalhas na categoria B (de 12 a 14 anos). Nesta sexta-feira (15), os atletas da categoria A (de 15 a 17 anos) vão disputar as provas em busca da vaga na fase macrorregional que vai acontecer em cambará, de 19 a 24 de junho.

Os Jogos Escolares do Paraná são promovidos pelo Governo do Estado, por meio das Secretarias do Esporte e Turismo e da Educação, com apoio do município de São Sebastião da Amoreira.

Confira nossa fanpage: www.facebook.com/jogosescolaresdoparana/

COM/JOGOS ESCOLARES
William Bilches
(43) 99886866
william.paranaqui@gmail.com

Nenhum comentário