Últimas notícias

Deputado estadual é condenado por "caixa dois" em campanha do genro

Curitiba – O deputado estadual Hussein Bakri (PSD) e mais 12 pessoas foram condenados ontem pelo Juízo da 33ª Vara Eleitoral de União da Vitória, no sudeste paranaense, por formação de "caixa dois", abuso de poder político e econômico e doações ilegais na campanha eleitoral de 2016. De acordo com a ação, ajuizada pela Promotoria Eleitoral do município, Bakri cometeu "manobras espúrias" para tentar eleger o genro, Thyago Pigatto, como prefeito da cidade. Todos os citados receberam como pena a inelegibilidade por oito anos. Cabe recurso da decisão.

Conforme o juiz Luís Mauro Lindenmeyer Eche, o parlamentar era o "chefe maior de toda a operação nefasta" criada para levar Pigatto ao posto de chefe do Executivo local, passando todas as negociatas e operações ilegais sob seu crivo. Entre as irregularidades citadas estariam ofertas de cargos comissionados na prefeitura, em troca de apoio político, e de assessoria em seu escritório local vinculado à AL, de modo a convencer Daniel Fernando a concorrer como vice. O magistrado cita ainda arrecadação ilícita de valores, isto é, que não foram declarados, para a campanha.

"Tais condutas são absolutamente incompatíveis com alguém que exerce mandato eletivo", diz trecho da sentença. "A eleição de Thyago Pigatto, seu genro, garantir-lhe-ia interferência direta na política local, reforçando e intensificando sua base eleitoral, para fins de concorrer às eleições de 2018. Ou seja, as condutas praticadas pelo investigado representam o que há de pior na política nacional e que, lamentavelmente, tem se tornado a regra. Não obstante, cabe ao Poder Judiciário rechaçar essa prática, nos limites da lei", completa Eche.

A reportagem da FOLHA ligou para o gabinete do deputado na Assembleia, mas foi informada de que nem ele nem seu assessor de imprensa estavam disponíveis, e que só poderiam comentar o assunto na segunda-feira (2). Prefeito de União da Vitória de 2000 a 2008, Hussein Bakri exerce seu primeiro mandato no Parlamento estadual. Ele é pré-candidato à reeleição.


Mariana Franco Ramos
Reportagem Local
 FOLHA DE LONDRINA

Nenhum comentário