[Fechar]

Últimas notícias

Suspeito de matar ex-mulher, em Cianorte, confessa crime em áudios: 'Acabei com minha vida e tirei a dela'


Um homem, suspeito de matar a ex-mulher, confessou o crime em áudios enviados, que foram anexados ao inquérito nesta quarta-feira (4). Vítima, de 39 anos, foi morta com golpes de faca e encontrada dentro de uma caixa de contenção de água, na área rural de Cianorte, no noroeste do Paraná, no sábado (29).

"Eu estou pedindo direção a Deus para que ele de força para me entregar, porque eu tenho que pagar. Eu acabei com a minha vida e tirei a vida dela. Eu liguei para uma pessoa da minha família falando o que tinha acontecido, aonde estava e pedi para não deixar o corpo dela lá", disse ele em um áudio.

Antes do crime, o suspeito já tinha enviado outro áudio com ameaças para a mulher.

"Se tiver que pagar eu vou pagar, mas você vai pagar juntinho comigo, tá bom. Eu vou falar para você, não aparece na minha frente não, porque se você aparecer Elisângela, olha, do jeito que eu estou possuído pelo demônio, pelo capeta, não vai prestar não", afirmou o homem.

Em outro áudio, ele fala que esteve no velório da vítima.
"Eu peço um milhão de desculpas. Não estou fugindo da polícia, porque eu estou aqui em Cianorte. Eu fui no velório, tinha policial civil lá. Eu vi toda família, prima, mãe, filho, filha. Só que como eu não poderia chegar perto, eu não cheguei", comentou o suspeito.

Conforme a polícia, eles estavam separados há mais de um ano e brigavam porque ela já estava em outro relacionamento.

Segundo o delegado Jonas Amaral, as gravações reforçam que o principal suspeito é o ex-companheiro da vítima.

"O suspeito já é considerado foragido da polícia. Nós temos elementos que, realmente, demonstram a sua autoria, e continuamos tentando localizá-lo", explicou Amaral.

Até a publicação desta reportagem, ele não tinha sido preso.

G1 PR


Nenhum comentário