[Fechar]

Últimas notícias

Tercilio pede para governo investir em UTIs exclusivas a doentes de coronavírus

HU de Londrina tem espaço pronto para instalar duas unidades de terapia intensiva, com 10 leitos cada. Precisa de equipamentos e pessoal
O deputado estadual Tercilio Turini pede a instalação urgente de duas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) no Hospital Universitário de Londrina, cada uma com capacidade de 10 leitos, para destinação exclusiva ao internamento de pacientes com coronavírus. Ele ressalta que o HU tem espaço pronto para as UTIs, com acesso específico sem passar por outras alas do hospital, e só não ativou ainda os 20 novos leitos porque precisa de equipamentos e pessoal.
“Conversei pela manhã com a superintendente Vivian Feijó, que informou sobre a possibilidade de instalar as duas UTIs”, relatou Tercilio em pronunciamento na Assembleia Legislativa do Paraná. O custo para equipar as unidades e contratar temporariamente médicos intensivistas é estimado em R$ 1,8 milhão para cada UTI. “O Paraná precisa se preparar para atender pacientes em estado grave. Minha sugestão é que o Governo do Estado faça o investimento, com urgência, para abertura das duas UTIs”, afirma Tercilio.
Para o deputado, o mesmo reforço emergencial pode ser feito nos demais hospitais universitários, de Maringá, Cascavel e Ponta Grossa, ampliando a estrutura de leitos públicos no Paraná para socorrer pacientes de coronavírus. “A tendência é o quadro se agravar, exigindo mais estrutura nos hospitais para tratar das pessoas acometidas pelo vírus. A gravidade requer iniciativas rápidas e concretas, porque o Paraná certamente terá muitos casos da doença”, alerta Tercilio Turini, que é médico infectologista.
Atualmente todos os leitos de UTI do HU estão ocupados. “O hospital é referência para mais de 100 municípios paranaenses e não tem vaga para manter pacientes em isolamento, como exigem os protocolos de atendimento do coronavírus”, diz Tercilio.

Nenhum comentário