[Fechar]

Últimas notícias

Destruir floresta em estágio médio de regeneração é motivo de medidas criminais e aplicação de autos de infração em Congonhinhas






 Durante fiscalização em uma fazenda foi constatado o impedimento de regeneração natural de floresta em uma área correspondente a 42 hectares. Em continuidade a fiscalização foi constatado que em outra área correspondente a 19 hectares que houve a destruição de área considerada de preservação permanente. Diante dos fatos foi informado o Ministério Público da Comarca de Congonhinhas através de ofício e relatório fotográfico do dano ambiental, para medidas criminais cabíveis bem como aplicação de dois autos de infração ambiental.

POLÍCIA AMBIENTAL

Nenhum comentário