[Fechar]

Últimas notícias

Polícia Ambiental inicia Operação Ostensividade Aquática para proteger rios continentais durante a crise hídrica

Com a proibição da pesca nos rios continentais do Paraná por conta da crise hídrica que afeta o estado, o Batalhão de Polícia Ambiental Força-Verde (BPAmb-FV) iniciou nesta sexta-feira (29/05) a Operação Ostensividade Aquática, para fiscalizar rios, orientar pescadores e autuar os que forem flagrados cometendo a infração. A multa pode chegar a R$ 700,00 e R$ 20,00 por quilo ou unidade de peixe pescado. A ação é para proteger as espécies nos locais mais afetados pela seca.
As companhias do Batalhão Ambiental, distribuídas em todo o estado, aplicarão equipes em embarcações nas bacias e extensão dos rios Ivaí, Piquiri, Cinzas, Tibagi, Pirapó, Laranjinha, São Francisco Falso e Verdadeiro, Jordão e todos os seus afluentes diretos. A presença das equipes policiais ambientais será intensificada também nos pontos de concentração de pescadores, para inibir a atividade de amadores.
Os trabalhos serão extensivos com bloqueios e patrulhamento nos arredores, nos pontos onde possam ocorrer pesca. Os policiais militares poderão prestar orientações sobre a importância do respeito a nova norma, para garantir a continuidade da cultura pela preservação dos peixes durante o período de estiagem que afeta todo o estado.
A fiscalização será feita pela unidade com apoio dos agentes do Instituto Água e Terra (IAT) para coibir a prática e manter o cumprimento da portaria estadual do órgão.

FONTE - SECRETARIA DE SEGURANÇA PÚBLICA - PR

Nenhum comentário