Últimas notícias

Com fim da temporada, Litoral do Paraná faz campanha por praia cheia o ano inteiro

Foto: Divulgação Operação Verão
Para empresários, Litoral precisa de calendário de eventos o ano todo

A expectativa era positiva. No Réveillon, as praias ficaram lotadas, com mais de 1,7 milhão de pessoas. Em janeiro, o sol apareceu e trouxe consigo o calor, diferente do que havia acontecido em anos anteriores.

Ainda assim, a temporada de verão 2018-2019 ficou abaixo do que esperavam comerciantes e empresários do setor hoteleiro do Litoral paranaense, que agora unem forças para garantir um bom movimento nas praias ao longo do ano. As informações são de Rodolfo Luis Kowalski, no Bem Paraná.

Ontem (7), inclusive, o movimento “Somos Todos Litoral”, que procura engajar empresários, moradores e turistas no pedido de infraestrutura adequada aos municípios litorâneos, começou a expor dezenas de outdoors nos entrocamentos rodoviários e cidades do Litoral, pedindo mais atenção à comunidade praiana.

Ao todo, 16 entidades de classe patronais e de trabalhadores participam do movimento, que busca o progresso sem agredir ou fragilizar o meio-ambiente, de acordo com Fábio Aguayo, vice-presidente de Relações Governamentais e Institucionais da Feturismo.

Segundo ele, o maior problema do Litoral paranaense hoje é conseguir segurar ou fidelizar os turistas nas idas e vindas, em especial num momento em que o país ainda atravessa uma crise econômica e as taxas de desemprego estão altas.

“Sem algumas bases de infraestrutura e mobilidade urbana, principalmente a falta de outros tipos de atrações no Litoral Paranaense, fica difícil atrair turistas ou fidelizá-los em nosso território”, reclama Aguayo.

Plano
 
O governo do Estado tem um projeto para atender essa demanda. Em maio, deve ser apresentado o Plano de Desenvolvimento Sustentável do Litoral do Paraná, que entre outras, deve apontar caminhos de curto, médio e longo prazo para o desenvolvimento do Litoral, e também para a criação de outros atrativos na região, como a do incremento de navios de passageiros no nosso Litoral.

FONTE - RONI PIMENTEL


Nenhum comentário