Últimas notícias

Tercilio Turini sempre falou: pedágio é uma caixa preta

O acordo da Rodonorte com o Ministério Público Federal, com redução de 30% nas tarifas em sete praças de pedágio e execução de obras nas rodovias, é uma notícia importante para os paranaenses, mas também uma vergonha. Representa a confissão de irregularidades, descumprimento de contratos, cobrança indevida, a prática de outros atos muito suspeitos e relação perniciosa entre concessionária e governo.
É a avaliação do deputado estadual Tercilio Turini, que enfatiza: “Como sempre falei, o pedágio no Paraná é uma caixa preta, cheia de mistérios que precisam ser desvendados. Espero que as outras concessionárias também façam acordos de leniência, para a tarifa do pedágio baixar em todo o Paraná e as obras finalmente saírem do papel. Aí também a população vai verificar o tamanho do rombo”, ressalta.
Tercilio Turini diz que a fiscalização do pedágio poderia ser mais efetiva se o Pedagiômetro já estivesse instalado, conforme estabelece a lei estadual 18.696, sancionada em janeiro de 2016. “A legislação não está sendo cumprida e a população continua sem as informações. Já tinha alertado que a falta de transparência sobre a arrecadação das concessionárias e os números do pedágio reforça na mente a grande desconfiança e muitas suspeitas sobre os contratos de pedágio”, afirma.
A lei do Pedagiômetro prevê a instalação de equipamentos nas 27 praças de pedágio do Anel de Integração, para contagem e divulgação em tempo real de quantos veículos passam e quanto as concessionárias arrecadam com as tarifas.

Nenhum comentário