Últimas notícias

BOMBA - COMO O BLOG HAVIA ANUNCIADO ONTEM - Mais duas pessoas são presas acusadas de fraudes na Prefeitura de São Jerônimo

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) realizou nesta quinta-feira (24) um desdobramento da operação “Déja Vu”, que investiga a atuação de uma suposta organização criminosa que praticava fraudes a licitações, falsidade ideológica e peculato na Prefeitura de São Jerônimo da Serra, no Norte Pioneiro.
Foram cumpridos mais dois mandados de prisão relacionados, sendo contra Roberth Padilha Machado, que ocupava o cargo de secretário de Obras, e Dhiego Wilson Martins Sampaio, lotado no departamento de Compras da prefeitura.
Segundo o promotor Leandro Antunes, após a deflagração da operação, foi verificado que ambos possuíam participação intensa na organização criminosa e nos desvios de verbas. Nenhum dos detidos obteve habeas corpus até o momento.
“Essas prisões foram solicitadas pelo Ministério Público (MP) em razão de fatos novos que vieram após a deflagração da operação. Ao analisar documentos, celulares e oitivas de testemunhas, observamos que essas duas pessoas praticaram de diversos ilícitos penais, com participação nas apropriações e desvios de verbas públicas”.
Tocador de áudio
Quando deflagrada, a operação cumpriu quarenta e três mandados de busca e apreensão. A operação, além de São Jerônimo da Serra, aconteceu em outras cidades como Londrina, Curitiba, Cambé, Cornélio Procópio, Assaí, Cruzmaltina, Terra Nova e Nova Santa Bárbara.
FONTE - RÁDIO PAIQUERÊ

Nenhum comentário