Vamos brigar para subir’, garante gestor do Tubarão




Malucelli promete contratações de jogadores acostumados com as principais divisões do futebol nacional e não descarta a vinda de atletas do Palmeiras

Marcos Zanutto/08-03-2016
"Nós vamos tentar o empréstimo de alguns, mas caso contrário, vão ficar todos. Até porque a Série B é um campeonato difícil", disse o gestor sobre a dispensa de atletas

O gestor do Londrina, Sérgio Malucelli, trabalha exaustivamente na busca por reforços para a disputa do Brasileiro da Série B, que começa em um mês. O homem forte do futebol alviceleste aposta no atual elenco e no trabalho a longo prazo que vem sendo desenvolvido no clube. "Sabemos das dificuldades que vamos encontrar, mas confio no nosso trabalho."
Em entrevista exclusiva à FOLHA, Malucelli fez um balanço positivo da participação do time no Paranaense e garantiu a chegada de reforços de qualidade. "Estou procurando jogadores que já tenham participado de campeonatos desta envergadura", revelou. Confira o bate-papo com o gestor alviceleste.

Qual o balanço da participação do time no Campeonato Paranaense?
A campanha foi boa. Nós tivemos muitos problemas, principalmente a perda dos seis pontos, que atrapalhou bastante o campeonato. Mesmo assim, o time conseguiu se recuperar e terminou com a melhor campanha dentro de campo na primeira fase. E perder para o Atlético é natural. O Atlético é um grande time, jogou melhor que nós aqui e lá. É o que eu sempre digo, futebol você não vai ganhar sempre. Você entra para ganhar, mas nem sempre dá certo. O outro time também tem o mesmo objetivo. Não é desmérito nenhum perder para o Atlético.

O Paranaense valeu como laboratório para observar o elenco para a Série B?
Valeu, claro que valeu. Como eu falei desde o início do ano, o nosso objetivo é a Série B. Lógico que no Paranaense, ou em qualquer outro campeonato, a gente entra para brigar por posições. Mas, valeu como experiência e deu para ver alguns jogadores que têm condições de ficar e outros que não têm. Estamos avaliando tudo isso e junto com as contratações, tenho certeza, que nós vamos montar um bom elenco para Série B.

O Tencati está falando em sete contratações. Este número se aproxima do que você pensa também?
Para treinador quanto mais jogador você trouxer é melhor. Não é a vontade do treinador que a gente tem que fazer e, sim, ver o que realmente o time precisa. Porque se você for falar com o Tencati, amanhã, ele vai pedir 12, 15. Todo treinador quer bastante jogadores. Vamos ver o que realmente precisa. Já estamos com alguns nomes contatados e acredito que até a semana que vem começamos a apresentar os reforços.

Qual o perfil dos reforços que o Londrina está buscando?
Agora, estamos em uma fase para tentar brigar para subir. Sabemos das dificuldades, é o primeiro ano nosso na Série B, não é fácil, mas nós vamos brigar para isso. Não estou olhando tanto no perfil de venda de jogador não, estou procurando jogador que já tenha participado de um campeonato desta envergadura.

Pode vir algum outro jogador com passagens por grandes clubes, como foi o caso do Keirrison?
Pode. Nós só precisamos trabalhar dentro de uma realidade. O londrinense sonha muito e acha que o Londrina tem condições de trazer o Pelé, o Tostão, Rivelino e não é assim. Veja que o nosso número de sócios-torcedores não passa dos 2,5 mil desde que estamos aqui. Muita gente fala que falta divulgação. A divulgação é o clube, o time de futebol e a cidade inteira sabe. Não é falta de divulgação, é que nós não temos mesmo. No próprio VGD, que todo mundo queria que jogasse lá, nós não conseguimos colocar quatro mil pessoas. A realidade do Londrina é bem diferente daquela que o torcedor pensa. Temos que trabalhar dentro de uma realidade que possamos pagar os jogadores. Não vamos fazer loucura. Tentar trazer jogador de qualidade, mas em uma condição que possamos pagar.

O elenco atual será mantido ou haverá dispensas?
É difícil porque a maior parte tem contrato longo. Nós vamos tentar emprestar alguns, mas caso contrário, vão ficar todos. Até porque a Série B é um campeonato difícil, com muitos jogos e quantos mais jogadores, melhor.
Pode vir algum jogador do Palmeiras?
Pode. Conversei com o Cuca, tenho boa amizade com ele e com a diretoria. Eles fizeram um negócio com o Criciúma ontem (segunda-feira) e mandaram cinco jogadores. Entre estes cinco tinham dois que nos ofereceram. Um deles era o zagueiro Leandro Almeida, ex-Coritiba. Devo conversar com o Cuca esta semana, depois da reunião que terei com o Tencati. O Cuca colocou vários jogadores a nossa disposição e nós ficamos de falar alguma coisa. (Os laterais João Pedro e Victor Luis também foram oferecidos).

Você está confiante em uma boa participação na Série B?
Eu confio no nosso trabalho acima de tudo. Sabemos das dificuldades que vamos enfrentar, pegaremos times de tradição grande, clube que tem até menos tradição que o Londrina, mas que tem uma condição financeira melhor. Isso para nós será muito difícil, além do que Vasco, Bahia e Goiás vão sair com uma vantagem muito grande no lado financeiro. Mas, acredito no nosso trabalho.
Lucio Flávio Cruz
Reportagem Local
FOLHA DE LONDRINA
Vamos brigar para subir’, garante gestor do Tubarão Vamos brigar para subir’, garante gestor do Tubarão Revisado por Blog do Chaguinhas on 07:50:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Anúncios