Após 12 anos, Tubarão volta à Série B




Londrina estreia, hoje, na segunda divisão do Campeonato Brasileiro contra o CRB, no Estádio no Café

Marcos Zanutto
O centroavante Bruno Batata retorna ao time titular após começar o último jogo no banco de reservas

Finalmente, o torcedor do Londrina verá o time na Série B do Campeonato Brasileiro. Depois de um hiato de 12 anos, o alviceleste retorna à competição, hoje, e promete brigar na parte de cima da tabela. A estreia será diante do CRB-AL, às 16h, no Estádio do Café.
Principal prioridade do clube na temporada, o LEC tem o objetivo inicial de se manter na divisão e tentar brigar pelo acesso. As desclassificações precoces no Paranaense e na Copa do Brasil deixaram a torcida insatisfeita e cobrando um futebol melhor no Brasileiro. "Todas as vezes que prometemos, nós alcançamos. Estou prometendo novamente que o Londrina vai longe, mas nós precisamos também do respaldo e da confiança do torcedor", afirmou o técnico Claudio Tencati.
O elenco que jogou o Paranaense foi mantido e o alviceleste aposta na base e no entrosamento para fazer uma boa campanha. Foram contratados seis reforços visando a Série B. Os atacantes Keirrison e Itamar chegaram ainda durante o estadual. Vieram ainda os laterais Igor Bosel e Léo, o zagueiro Everton Sena e o atacante Jô. Para a estreia, a novidade será a presença de Léo, que veio por empréstimo do Fluminense. Igor e Jô atuaram contra o Cruzeiro e serão mantido no time.
"Em uma Série B não podemos perder para equipes do mesmo nível da nossa. O CRB é um adversário que temos que vencer, se tivermos pretensões de ir bem na competição. Começar com o pé direito é importante", frisou o comandante alviceleste.
Como o futebol produzido nas últimas partidas não agradou ao treinador, o time sofrerá mudanças em todos os setores. Além da estreia de Léo no lugar de Paulinho, na lateral-esquerda, Diogo Roque e Rafael Gava voltam a equipe titular, no meio-campo. A dupla de ataque terá Jô e Bruno Batata, que retorna na posição que foi ocupada por Itamar. Atravessando uma fase ruim, Paulinho Moccelin também fica no banco de reservas.
Para o zagueiro Silvio, a derrota para o Cruzeiro deixou algumas lições para o time, que têm que ser assimiladas para o Brasileiro. "Talvez nunca fomos tão dominados em casa como na última partida. Temos coisas a serem aprimoradas, mas tenho certeza que faremos uma grande estreia e uma ótima Série B", apontou. "Espero um jogo intenso já que as equipes do Nordeste não tem como postura se retrancar. O CRB tem um potencial ofensivo bom, foi campeão, recentemente, e merece ser respeitado".
O time de Maceió vem embalado pela conquista do 29º título alagoano no último domingo. Assim como o Londrina, o CRB manteve a base da última temporada. Do atual elenco, 18 atletas jogaram a Série B do ano passado, quando o clube terminou em 11º lugar. Os destaques individuais da equipe são os experientes meia Gérson Magrão e os atacantes Neto Baiano e Lúcio Maranhão.

Em Londrina

Londrina: Marcelo; Igor, Silvio, Matheus e Léo; Diogo Roque, Germano, Rafael Gava e Netinho; Jô e Bruno Batata. Técnico: Claudio Tencati

CRB: Juliano; Bocão, Jussani, Audálio e Diego; Olívio, Rivaldo, Gérson Magrão e Dakson; Luidy e Neto Baiano. Técnico: Mazola Júnior

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)
Local: Estádio do Café
Horário: 16h
Lucio Flávio Cruz
Reportagem Local/FOLHA DE LONDRINA
Após 12 anos, Tubarão volta à Série B Após 12 anos, Tubarão volta à Série B Revisado por Blog do Chaguinhas on 07:22:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Anúncios