MST protesta em praça de pedágio de Arapongas e na PR-445 em Londrina








Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) se mobilizaram em protesto na praça de pedágio de Arapongas, na BR-369, na região metropolitana de Londrina, na manhã desta quinta-feira (19). Além disso, membros do movimento que residem em um assentamento entre o distrito de Lerroville, em Londrina, e o município de Tamarana protestam na rodovia PR-445. 

A praça de pedágio de Arapongas foi tomada pelos manifestantes por volta das 9h, com liberação das cancelas e consequente acesso livre dos motoristas pelo trecho. Já no protesto na PR-445, os manifestantes fecham a estrada por uma hora e liberam os carros por meia hora. Ambulâncias e veículos de saúde são os únicos autorizados a passar. 

Os protestos são parte da série de mobilizações encabeçadas pelo MST, que são contrários a decisão de desocupar a Fazenda Santa Maria, em Santa Terezinha de Itaipu, no oeste do Paraná.

Além do protesto na praça de pedágio de Arapongas e na PR-445, em Londrina, nesta manhã o MST protesta na BR-277, em Laranjeiras do Sul e na Praça de pedágio da BR-376, em Mandaguari. 

Entenda 

A fazenda foi ocupada no dia 18 de março pela justificativa de que o dono da propriedade seria um dos investigados na Operação Lava Jato. Os advogados do proprietário alegam que a justificativa é inválida, já que o cliente não está entre os investigados. 

Dois dias após a ocupação, foi expedida a ordem de reintegração de posse, estabelecendo um prazo de 48 horas para que o local fosse desocupado. 

(Atualizada às 11h26)

Via: Bonde
MST protesta em praça de pedágio de Arapongas e na PR-445 em Londrina MST protesta em praça de pedágio de Arapongas e na PR-445 em Londrina Revisado por Hugo Braga on 15:12:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Anúncios