LEC aposta em torcida para vencer ‘jogo chave’




Após derrota fora, Tubarão faz promoção para aumentar público no Café; vitória contra o Vila Nova é fundamental para enfrentar sequência difícil na Série B

Marcos Zanutto
Nos primeiros quatro jogos em casa, média foi de aproximadamente 2 mil torcedores; hoje, Londrina espera público de 7 mil no estádio

A necessidade de vitória acompanha o Londrina mais uma vez em um confronto no Estádio do Café. O alviceleste recebe hoje o Vila Nova, às 16h, precisando dos três pontos para não se aproximar dos últimos colocados. Em razão dos resultados ruins fora de casa, a pressão se torna grande nos confrontos como mandante.
Depois de perder para o Ceará, o LEC caiu para a 12ª colocação, com nove pontos. Está a quatro pontos do G4, mas a diferença também é a mesma para a zona do rebaixamento. Ganhar é fundamental até porque o Tubarão terá uma sequência difícil nas três próximas rodadas. Enfrenta Oeste e Bahia fora e o Vasco, no Café.
O duelo contra os goianos reedita a final da Série C do ano passado. Na oportunidade, o Vila Nova ficou com o título ao golear o alviceleste por 4 a 1, no Serra Dourada. Na ida, o Londrina havia vencido por 1 a 0. O técnico Claudio Tencati descartou o clima de rivalidade. "É um outro momento e estamos em uma competição diferente. O foco é ganhar, independentemente do adversário, para nos distanciarmos da parte de baixo da tabela", afirmou o treinador.
O time terá duas novidades. O meia Rondinelly ganhou a concorrência com Zé Rafael e, pela primeira vez, inicia uma partida nesta Série B. Ele jogará ao lado de Rafael Gava e Germano. Na zaga, Silvio volta, após ser poupado em Fortaleza, e atuará junto com Luizão. "Não é porque perdemos que temos que mudar tudo. Encontramos uma forma e um padrão de jogo e vamos insistir nisso para vencer", apontou Tencati.
O Londrina tenta melhorar seu aproveitamento no Café – ganhou 59% dos pontos disputados, em quatro partidas – para compensar a baixa performance como visitante: só 22% de aproveitamento, em três jogos.
A necessidade de ganhar pode aumentar a pressão em cima do time. Tencati entende que a equipe tem lidado bem com esta situação e já superou outros momentos delicados. "Tivemos resultados adversos contra Cruzeiro e CRB e mostramos confiança e qualidade para buscar as vitórias. Por isso tenho esta confiança no grupo", revelou. "Temos que jogar bem, criar situações e concluir, além de estar seguro atrás. Este é o ponto de equilíbrio que buscamos."
Com públicos pequenos até aqui, a diretoria alviceleste abaixou o preço dos ingressos e espera pelo menos 7 mil torcedores no Café. O bilhete de arquibancada tem preço único de R$ 12 e as cadeiras custam R$ 22.

VILA NOVA
O Vila Nova chega a Londrina embalado, após ter vencido, fora de casa, o Luverdense por 2 a 0, na terça-feira. O time goiano não vencia há cinco partidas. Com os três pontos no Mato Grosso, o Vila saiu da zona do rebaixamento e iniciou a rodada em 14ª lugar, com sete pontos. Ainda sem contratar um novo treinador – Rogério Mancini foi demitido após a sexta rodada - a equipe será dirigida pelo técnico interino, Leandro Silva. Sem problemas, o treinador pode repetir a mesma formação da última rodada. O destaque da equipe é o centroavante londrinense Vandinho, que já marcou dois gols na Série B.

Em Londrina

Londrina: Marcelo; Igor Bosel, Silvio, Luizão e Léo. Germano, Rafael Gava e Rondinelly. Jô, Keirrison e Paulinho Moccelin. Técnico: Claudio Tencati

Vila Nova: Wagner Bueno; Douglas Assis, Anderson, Reginaldo e Marcelo Cordeiro. Maguinho, Robston, Jean Carlos, Pedro Carmona e Roger. Vandinho. Técnico: Leandro Silva

Árbitro: Francisco de Paula dos Santos Silva (RS)
Local: Estádio do Café
Horário: 16h
Lucio Flávio Cruz
Reportagem Local/FOLHA DE LONDRINA
LEC aposta em torcida para vencer ‘jogo chave’ LEC aposta em torcida para vencer ‘jogo chave’ Revisado por Blog do Chaguinhas on 08:39:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Anúncios