Projeto Angra Doce vai integrar turismo dos municípios de Paraná e São Paulo



O líder do governo na Assembleia Legislativa, deputado Luiz Claudio Romanelli, participou nesta quarta-feira (03), no Palácio Iguaçu, do lançamento do Projeto Angra Doce -  cujo principal objetivo é promover o turismo  na região formada por 15 municípios lindeiros à represa de Chavantes, na divisa entre Paraná e São Paulo.

“Esse é um projeto extremamente importante para os municípios do Norte Pioneiro do Paraná e para os municípios paulistas que fazem divisa com o reservatório da Usina de Chavantes. É uma região belíssima que precisa ser melhor divulgada e ter um apoio institucional e governamental para atrair visitantes. O turismo é uma indústria que gera empregos e riquezas e precisamos apoiar todas as iniciativas que permitam o crescimento e desenvolvimento dessa região”, disse Romanelli.

No Paraná, várias secretarias de Estado e órgãos governamentais já atuam para ações que promovam o incremento do turismo nos municípios  situados na confluência dos rios Itararé e Paranapanema. Segundo o secretário de Planejamento, Cyllêneo Pessoa Pereira Jr, um grupo de trabalho multissetorial já foi formado e trabalha para definir programas de apoio ao desenvolvimento regional.

“São 400 quilômetros de área de reservatório da Usina de Chavantes que podem e devem ser exploradas para o turismo, com a garantia da preservação dos recursos naturais. Um dos primeiros passos é potencializar as estruturas turísticas existentes e promover a capacitação de pessoal”, explicou.

Segundo o deputado federal paulista Capitão José Augusto, autor do projeto de lei 3031/2015 que institui a Região de Angra Doce como área de especial interesse do turismo, um mapeamento dos locais e eventos turísticos de todos os 15 municípios está sendo feito, com apoio das universidades da região e do Programa Cidades do Pacto Global da Organização das Nações Unidas. “O projeto chama-se Angra Doce porque a região se parece muito com Angra dos Reis, mas tem água doce. São cidades com grande potencial para o turismo esportivo, de aventura e, inclusive, religioso. Mas são municípios pequenos, que precisam unir esforços e receber investimentos em infra-estrutura para que possam se desenvolver e realizar eventos”, pondera.

A representante no Brasil do Programa Cidades do Pacto Global da ONU, Rosane de Souza, analisou as potencialidades da região, que tem uma população de cerca de 300 mil habitantes. “Já iniciamos uma série de ações regionais, como a identificação de pólos de desenvolvimento turístico. No Paraná, temos a Prainha da Cachoeira em Ribeirão Claro, a Praia da Alemoa, em Siqueira Campos e a Ilha do Ponciano, em Carlópolis, mas é necessário assegurar o acesso público e melhorar a infraestrutura”, ressaltou.

O presidente da Paraná Turismo, Manoel Jacó Gimennes, uma das primeiras ações será a capacitação de agentes de desenvolvimento pelo turismo e produção associada, a promoção de eventos turísticos e a valorização da gastronomia regional. “A região de Angra Doce tem belezas naturais que são desconhecidas dos próprios paranaenses. A partir de agora, vamos investir em um calendário de eventos para divulgar melhor as festas municipais, promover novos eventos e atrair mais visitantes”, afirmou.

Participaram do evento, entre outras autoridades, os secretários estaduais do Planejamento, Meio Ambiente, Antonio Carlos Bonetti, Esporte e Turismo, Douglas Fabrício, Ciência e Tecnologia, Décio Sperandio, o presidente da Sanepar, Mounir Chaouwiche, o presidente da Paraná Turismo,  Manoel Jacó Gimennes, o presidente da Fomento Paraná, Juraci Barbosa, o secretário de Estado do Turismo de São Paulo, Romildo Campelo, os prefeitos de Ribeirão Claro, Maurício Araújo e Ourinhos (SP),  Belquis Gonçalves Santos Fernandes, o deputado federal paulista Capitão José Augusto e os deputados estaduais Luiz Claudio Romanelli, Pedro Lupion e Alexandre Curi.
-
Liderança do Governo na Assembleia Legislativa do Paraná
Deputado Luiz Claudio Romanelli
Assessoria de Imprensa
(41) 3350-4313 | imprensaromanelli@gmail.com
Projeto Angra Doce vai integrar turismo dos municípios de Paraná e São Paulo Projeto Angra Doce vai integrar turismo  dos municípios de Paraná e São Paulo Revisado por Blog do Chaguinhas on 10:54:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Anúncios