Últimas notícias

DELEGADO CONCLUI INQUÉRITO E INDICIA MOTORISTA QUE CAUSOU TRÊS MORTES

FONTE - NP DIARIO
Acidente entre Pinhalão e Japira aconteceu em julho
No dia 23 de julho deste ano um acidente deixou três pessoas mortas e uma gravemente ferida na tarde de um domingo, na PR-272,entre Pinhalão e Japira.Entre eles, o fotógrafo Saulo Azevedo de Oliveira(fotos), de 42 anos.Ele residia em Figueira e iria fazer a cobertura da Festa do Peão para o periódico A Voz de Ibaiti.
O Fiat Prêmio(CNW 7621/Figueira) dirigido por Saulo, que era irmão de um rapaz que se apresentava no evento, colidiu frontalmente contra o Mitsubishi Triton(placas de Ibaiti) que retornava de Pinhalão e teria invadido a pista contrária na rodovia.
Dois adolescentes que viajavam com Saulo e que o ajudavam nos eventos também morreram no acidente: Deivid da Silva de Paula e David Junior Vaz (fotos), ambos de 15 anos.
Quando do acidente, Alcides Roberto França de Lima, de 42 anos, que conduzia o Triton, se feriu levemente e foi preso por embriaguez, mas não ficou encarcerado.Dentro do veículo, havia diversas latas de cerveja.
O Instituto Médico Legal (IML) de Jacarezinho levou os corpos, que foram entregues aos familiares e sepultados na tarde do dia seguinte no cemitério de Figueira.

Agora, depois de quase cinco meses, o delegado Pedro Dini Neto concluiu o inquérito e indiciou o condutor por homicídio doloso (quando o autor tem intenção de matar). Como o motorista estava em alta velocidade e embriagado, assumiu totalmente o risco de causar uma tragédia fatal, que foi o que ocorreu.
Betinho, como é conhecido, responderá em liberdade e poderá ser condenado de seis a 20 anos de cadeia.

Nenhum comentário