Últimas notícias

UM CASO DE HONESTIDADE EM SA DA PLATINA - Celebração e alegria na família Sousa

As festas de Natal e Ano-Novo foram comemoradas em família como um momento de agradecimento


O ano de 2017 terminou com muitos motivos de alegria para a família Sousa, de Santo Antônio da Platina, que ainda começou 2018 com as esperanças renovadas. A história dela viralizou em todo o País em outubro do ano passado, sendo registrada também na FOLHA. Tudo por conta de um gesto nobre e de honestidade do filho mais velho, Alessandro Júnior Rodrigues de Sousa, 11, que devolveu o troco de uma doação de R$ 5 para comprar doces do funcionário da Copel (Companhia Paranaense de Energia) João Cândido da Silva Neto, 57.

Com a colaboração de dezenas de pessoas, que passaram a conhecer a atitude da criança, o pai, Alessandro Monteiro Sousa, 34, que é marceneiro, viu o trabalho aumentar, o que colaborou com as despesas da casa, onde moram sua esposa e mais dois irmãos de Alessandro Júnior. "Como trabalho de forma autônoma, nossa família ficou mais conhecida e está ajudando muito. Graças a Deus estou trabalhando bastante e nossa vida tem melhorado, sempre de forma digna", conta.

Moradores de uma casa simples, e cheia de amor, em um sítio da cidade, a família celebrou o Natal e o Ano Novo com muita união. "Ficamos em casa e foi um momento de agradecimento. Recebemos algumas doações ao longo dos meses e isso mostra que as pessoas se comoveram com nossa história. A atitude do meu filho responde uma pegunta que faço diariamente, que é se estamos educando bem nossos filhos. Vimos que sim", alegra-se.

O momento mais especial do ano que se passou ficou reservado para o final. Por conta da grande repercussão do caso do pequeno Alessandro Júnior, eles foram convidados para participar do quadro "Agora ou Nunca", do programa "Caldeirão do Huck", da TV Globo. Além de viajarem pela primeira vez de avião, todos puderam conhecer o Rio de Janeiro, o famoso apresentador, e ainda ganharam uma quantia em dinheiro ao conseguirem executar com êxito as atividades propostas no quadro televisivo.

"Foi uma experiência única. As crianças adoraram e para elas cada momento foi mágico. Nosso 'pequeno príncipe' nos deu a oportunidade de chegar até aqui", resume. Com o prêmio conquistado, os pais agora pensam em adquirir uma casa própria, já que hoje vivem em uma residência de favor, e investir no futuro dos três filhos. "Isso vai mudar a nossa realidade. Estamos pensando ainda como vamos fazer, mas tudo será feito para o bem-estar deles", ressalta.
Pedro Marconi
Reportagem Local/FOLHA DE LONDRINA

Nenhum comentário