Últimas notícias

FUTEBOL - Ricardinho faz mistério para decisão diante do Ceará

Técnico Ricardinho quebra a cabeça para achar o time ideal do Londrina


Nesta quarta-feira o Londrina enfrenta o Ceará no estádio do Café, pela segunda fase da Copa do Brasil, mas o time que vai a campo é uma incógnita. O goleiro César e o atacante Carlos Henrique estão garantidos pelo técnico Ricardinho para iniciar a partida. Mas o treinador não quis revelar quem serão os outros nove que entrarão em campo. "Apostei em manter o grupo e ele acabou não respondendo. Como disse no fim do jogo (contra o Cascavel), não merecemos classificar pelos resultados que tivemos. Precisamos achar alternativas para conseguir os resultados que queremos. Temos de treinar para conseguir uma evolução", apontou Ricardinho.

O técnico do Londrina não quis apontar um setor específico que precisa melhorar. "Não dá para apontar B ou C. É o todo. A não classificação mostra que fizemos dentro de um limite que não foi suficiente. É muito pouco para uma equipe como a do Londrina", analisou.

O treinador reafirmou que segue com o planejamento. "Vamos ter a Copa do Brasil contra o Ceará, que está em um patamar diferente do nosso. Eles mantiveram uma grande base do ano passado. Já no nosso time essa não é nem metade da equipe. Quando saem dois jogadores já faz diferença, imagine cinco", apontou o treinador.

A partida contra o Ceará será um reencontro do técnico Ricardinho com o clube que treinou em 2013. "O Ceará é um clube muito agradável. Tive o privilégio de trabalhar lá e fomos até a semifinal da Copa do Nordeste", relembrou. O Ceará é o atual vice-líder da competição regional. No Campeonato Cearense, soma um empate e quatro vitórias nos últimos cinco jogos. "É uma equipe que joga pelos lados com muita velocidade e tem um meio de campo que trata bem a bola. Então é uma equipe que temos que preparar bem uma estratégia de jogo", apontou. Ricardinho destacou que não se intimida diante de jogos contra equipes fortes. "Quando atleta e como técnico sempre gostei de jogar contra bons times. Eleva teu nível e o reconhecimento é outro. O Ceará é um bom time, tem estratégia. O Londrina tem que estar bem para passar à terceira fase da Copa do Brasil", avisou.

O Ceará sentirá a ausência do meia Ricardinho, ex-Londrina, responsável pela armação das jogadas do time. Machucado, ele não viajou com a delegação. Isso fará com que Wescley e Pedro Ken (ex-Coritiba) sejam responsáveis pela armação da equipe.

O destaque individual é o volante Richardson, jogador muito inteligente que ajuda na recomposição e na saída de bola. Já o lateral direito Pio é o homem da bola parada do time cearense. A equipe nordestina possui muita velocidade no meio de campo, com Andrigo, Felipe Azevedo e Wescley trocando de posição rapidamente e fazendo a transição em velocidade, com passes curtos e rápidos. A defesa do Ceará por sua vez é bem estruturada e atua bem compactada, com linhas bem organizadas. O time tem o melhor ataque do Cearense, com 19 gols, e sua defesa tomou apenas um gol na Copa do Nordeste.

O Vovô deve vir a Londrina com uma proposta mais reativa, esperando o Londrina iniciar as suas jogadas para atuar no contra-ataque.
Vítor Ogawa
Reportagem Local/FOLHA DE LONDRINA

Nenhum comentário