Últimas notícias

Caso Daniel: Justiça nega pedido para soltar Cristiana Brittes, diz advogado

A Justiça negou o pedido de revogação da prisão de Cristiana Brittes, suspeita de envolvimento na morte do jogador Daniel, de acordo com o advogado Cláudio Dalledone, que faz a defesa dela.

O pedido foi feito na semana passada ao juiz de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba, onde Daniel foi morto em 27 de outubro.
Cristiana é esposa do empresário Edison Brittes Júnior. Ele confessou ter matado o jogador. Edison Brittes alegou que o atleta tentou estuprar Cristiana. Porém, o delegado Amadeu Trevisan já afirmou que não houve tentativa de estupro.

O casal está preso. Allana Brittes, filha de Cristiana e Edison Brittes, também está presa. Ao todo, sete pessoas foram presas temporariamente, por 30 dias.

O advogado de Cristiana recorreu da decisão do juiz, que foi o mesmo que decretou a prisão dela. A data exata do pedido não foi informada pela defesa, nem quando houve a negativa. 

O corpo do jogador foi encontrado mutilado em um matagal em São José dos Pinhais. O órgão genital dele foi cortado.
 
O crime aconteceu depois da comemoração dos 18 anos de Allana. A festa começou na noite de 26 de outubro em uma boate de Curitiba. De lá, 11 pessoas – incluindo a família Brittes – foram para a casa dos Brittes. 

FONTE - G1 PR

Nenhum comentário