Últimas notícias

Empresário acusado de matar esposa com golpes de cassetete é condenado em São Jerônimo da Serra


O empresário acusado de matar a esposa com golpes de cassetetes em São Jerônimo da Serra, no norte do Paraná, foi condenado por homicídio quadruplamente qualificado.

 O crime foi cometido por motivo fútil, pelo fato de a vítima ser mulher, com meio cruel e a vítima não teve como se defender.

O crime ocorreu em março de 2018, dentro do mercado da família. Segundo o Ministério Público do Paraná (MP-PR), o empresário matou a esposa por ciúmes e por não aceitar a separação.

A vítima era professora em São Jerônimo da Serra e tinha dois filhos com o réu.

O Ministério Público do Paraná (MP-PR) afirma que ela foi morta após uma discussão com o marido.

O condenado fugiu depois depois do crime, mas dias depois se entregou à policia e foi preso. Ele está detido desde então.

O julgamento durou 12 horas e foi realizado no fórum de São Jerônimo da Serra, na sexta-feira (13).

O empresário foi condenado por júri popular a 17 anos e 6 meses de prisão.

FONTE – G1 PR



Nenhum comentário