[Fechar]

Últimas notícias

Especialista explica sobre gastrite e como evitar, Doença afeta mais da metade das pessoas no mundo


 A gastrite é causada pela bactéria Helicobacter pylori (H. pylori), que afeta mais da metade das pessoas no mundo, de forma sintomática ou silenciosa.  

Segundo o Dr. Eric Pereira, gastroenterologista do Hospital e Clínica São Gonçalo (HCSG), a doença se caracteriza por uma inflamação do revestimento interno do estômago e causa grandes desconfortos, como queimação e dor intensa.  

Além disso, a gastrite pode ser classificada como aguda, quando aparece por algum motivo específico, ou crônica, quando é recorrente e precisa de um tratamento contínuo para ser controlada.

 “Uma outra causa comum é o uso de anti-inflamatórios e aspirinas, mas, em alguns casos, o motivo não é identificado”, alerta o médico, lembrando também que é mito que ansiedade causa gastrite.

“A ansiedade pode causar sintomas que a simulam, como a chamada dispepsia funcional, que só pode ser confirmada após todos os exames serem realizados”, afirma. 

Entre os sintomas mais comuns, podemos enumerar azia, dores de estômago intensa, indigestão, sensação de estômago cheio após as refeições ou até mesmo a perda de apetite.

Para se obter o diagnóstico, o médico explica que o primeiro passo é ouvir a história detalhada do paciente na consulta, avaliando se os sintomas são atribuídos realmente à gastrite ou a outras doenças. 

“Questionamos se o paciente fez uso recente de medicamentos, se tem passado cirúrgico e sinais de alarme. Para confirmar a gastrite, o principal exame é a endoscopia, que permite o diagnóstico e a coleta de biópsia”, explica.

Para o tratamento, o médico explica que é preciso a prescrição de medicação, para diminuir a produção de ácido no estômago, e medidas dietéticas. 

“Se for encontrada a bactéria (H. pylori) e houver indicação do tratamento, é prescrito um kit com antibióticos", complementa Dr. Eric.

O médico lembra ainda que a alimentação conta muito para evitar a doença e que é indicado evitar o consumo de alimentos gordurosos, condimentados, bebidas alcoólicas, além de cigarro e demais drogas, pois eles também podem gerar sintomas.


Lilian Lopes

21 99207-2949

Nenhum comentário

UA-102978914-2