[Fechar]

Últimas notícias

Governo pretende entregar 96 mil moradias no 1º semestre


 O ministro da Casa Civil, Rui Costa, anunciou nesta terça-feira (7) que o governo pretende entregar 96 mil novas moradias do Minha Casa, Minha Vida no primeiro semestre deste ano. 

O Executivo irá priorizar a conclusão de 69 condomínios que tiveram as obras iniciadas e outros 70 que já foram aprovados. Costa disse que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) irá à Bahia na próxima terça-feira (14) para "relançar" o programa e que será assinada uma medida provisória para definir os "novos moldes" da política pública habitacional. 

Apesar disso, a presidente da Caixa, Rita Serrana, disse que não há nada certo sobre a contratação de novos empreendimentos ainda neste ano. 

"Vai depender do orçamento do governo. Se conseguir contratar esse ano, já contrata esse ano e começa, mas a prioridade é terminar [as obras em andamento], porque obra parada o custo é muito alto", afirmou.

"Só para terem ideia, temos 69 obras em andamento, a maioria contratada lá em 2016, 2015, que ficaram paradas nesse período todo. O objetivo agora nosso é agilizar, como disse o ministro Rui, a entrega dessas 69 obras", afirmou. 

E prosseguiu: "Tem mais 70 obras aprovadas que não saíram do papel, estão paradas, ou no início da obras".

Rui Costa, por sua vez, disse que "todo o foco" será para concluir e entregar cerca de 120 mil unidades do faixa 1 do programa, para as famílias com renda mais baixa. 

"A grande maioria está acima de 60% de construção, mas nós queremos e aqui eu já peço o empenho de cada funcionário, gerente e diretor, que consigamos, quem sabe, entregar cerca de 80% dessas unidades ainda no primeiro semestre deste ano, garantindo os recursos necessários para que as obras voltem no ritmo necessário", afirmou. 

As declarações foram dadas em evento que reuniu os gestores da rede de atendimentos da Caixa Econômica Federal. O ministro do Desenvolvimento Social, Wellington Dias, também participou. 

Ele afirmou que apresentará ao chefe do Executivo uma proposta de medida provisória para detalhar os critérios e as contrapartidas do programa.

Com informações do Portal Bonde.  VIA BLOG DO ODAIR MATIAS

Nenhum comentário

UA-102978914-2