Últimas notícias

Mãe pula em açude para salvar filho de dois anos e os dois morrem afogados em Rio Negrinho

Ocorrência foi registrada na manhã desta quinta (18) num assentamento no interior do município

Uma mulher de 40 anos e o filho dela, um menino de dois anos, morreram afogados no açude de um assentamento na localidade de Serro Azul, em Rio Negrinho, Planalto Norte de Santa Catarina. A ocorrência foi registrada na manhã desta quinta-feira (18).

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros Militar de Rio Negrinho, Maria Conceição Pinto estava construindo uma cerca ao redor do açude e o filho, que a acompanhava, Francisco Lanin Pinto Fortuna, teria caído na água. A mulher então teria pulado no açude para salvar o filho e acabou se afogando.

Ainda conforme os bombeiros, o marido e pai da criança relatou que ela foi retirada da água por familiares já sem vida. Já o corpo do menino foi localizado cerca de duas horas e meia depois de as buscas começarem.

O delegado da Polícia Civil de Rio Negrinho, Gil Ribas, foi ao local e afirmou que, aparentemente, a morte foi acidental. Não é possível saber a ordem em que mãe e filho caíram no açude, mas não há indícios de crime e, por isso, não haverá inquérito a ser aberto.  Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico Legal de São Bento do Sul.

O tio do menino, Edson Fortuna, lamentou a morte nas redes sociais. "Tristeza! Muita tristeza! Hoje perdemos uma grande mulher, uma grande lutadora! Minha cunhada Maria, esposa do Domingos. nos deixou de forma abrupta juntamente com o Francisco, quase bebê. Que as águas que os levaram, tragam esperança e conforto para todos nós. Ficam o sorriso, o exemplo de luta e muitas boas lembranças. Obrigado pela convivência e carinho", escreveu ele.


Matéria Portal A Notícia

Nenhum comentário