LEC quer confirmar fama de ‘visitante incômodo’






Tubarão voltou com dois empates nos jogos fora de casa na Série B e tenta surpreender o Ceará, no Castelão, para se aproximar do G4

Marcos Zanutto/02-06-2016
Para subir na tabela, treinador aponta que o ataque precisa ser mais objetivo e não perder as chances de gols em partidas longe de Londrina

O Londrina encara na noite de hoje o seu maior desafio até aqui no Brasileiro da Série B. O alviceleste enfrenta a forte equipe do Ceará, às 21h30, na Arena Castelão, em Fortaleza, e busca a sua primeira vitória como visitante na competição.
O Tubarão espera repetir as boas atuações que teve nas duas partidas fora de casa contra Goiás e Joinville, mas quer aproveitar melhor as oportunidades criadas para conquistar os três pontos, que aproximariam ainda mais o time do G4. Apesar de ser o 11º colocado, o LEC tem nove pontos, dois a menos que o Brasil de Pelotas, quarto colocado.
A cada início de Série B, o Ceará é apontado como um dos favoritos para subir. Este ano não é diferente, porém o time ainda não embalou. Ocupa a 7ª posição, com dez pontos. O que motiva a equipe alvinegra são as duas vitórias seguidas – 2 a 1 contra o Goiás e 3 a 2 diante do Sampaio Corrêa, em São Luís – e isso deve levar um grande público ao Castelão, um dos palcos da última Copa do Mundo.
"A produção diante do Goiás e do Joinville é o que nos permite acreditar em mais uma boa partida fora de casa. Precisamos ser mais objetivos no ataque e cirúrgicos na hora de finalizar", apontou o técnico Claudio Tencati.
Justamente pela forma como o time atuou nas duas partidas anteriores como visitante é que o treinador tem dúvida se mantém a equipe com três atacantes, como foi na vitória de sábado diante do Tupi, ou se volta a jogar com quatro homens no meio-campo, formação que deixou o time equilibrado nos confrontos de Itumbiara e Joinville.
"Uma das alternativas é colocar o Júlio Pacato no lugar do Zé Rafael, para ajudar o Germano na marcação. Se entender que o Paulinho (Moccelin) ou o Jô estão muito desgastados, aí poderia tirar um dos dois para o início da partida", avaliou o treinador.
Desfalque certo será o zagueiro Silvio. Sofrendo com dores no músculo adutor da coxa direita desde a partida contra o Cruzeiro, o jogador foi vetado pelo departamento médico e sequer viajou para o Nordeste. Luizão será o seu substituto e vai estrear na Série B. Até então titular na zaga alviceleste, o zagueiro lesionou o ombro antes do início do Brasileiro e só voltou a ser relacionado há duas rodadas, porém ficou apenas no banco de reservas.
O Ceará aposta na força do seu ataque para vencer e tentar chegar ao G4. O time marcou 12 gols nas seis primeira rodadas – só fica atrás do Vasco, que balançou as redes 13 vezes. Porém, a defesa não passa confiança. É a terceira pior da Série B, com dez gols sofridos.
Um dos destaques do time é o centroavante Rafael Costa, que já anotou 14 gols na temporada – dois neste Brasileiro. O meia Felipe, ex-Palmeiras e Coritiba, marcou três gols nos últimos três jogos. O técnico Sérgio Soares aguarda a recuperação do lateral-direito Tiago Cametá e do meia Tomas Bastos, que não atuaram na rodada passada.

Em Fortaleza

Londrina: Marcelo; Igor Bosel, Luizão, Matheus e Léo. Germano, Júlio Pacato (Zé Rafael) e Rafael Gava. Jô, Keirrison e Paulinho Moccelin. Técnico: Claudio Tencati

Ceará: Éverson; Eduardo (Tiago Cametá), Antônio Carlos, Sandro e Thallyson. Richardson, Baraka, Zé Mario (Tomas Bastos) e Felipe. Bill e Rafael Costa. Técnico: Sérgio Soares

Árbitro: Paulo Sérgio Santos Moreira (MA)
Horário: 21h30
Estádio: Arena Castelão
Lucio Flávio Cruz
Reportagem Local/FOLHA DE LONDRINA
LEC quer confirmar fama de ‘visitante incômodo’ LEC quer confirmar fama de ‘visitante incômodo’ Revisado por Blog do Chaguinhas on 07:51:00 Rating: 5

Nenhum comentário:

Anúncios